Gesso acartonado – Usos e aplicações

Construir e reformar nunca foi tão fácil. Foi se o tempo que sinônimo de obra era dor de cabeça. Com o avanço da tecnologia, um ambiente só deixa de ter boa aparência por opção.

Gesso acartonado – o que é?

placa-de-gesso-acartonado

Gesso acartonado é uma placa endurecida de gesso revestida por papel semelhante kraft (tipo de papel produzido a partir de uma mistura de fibras de celulose curtas e longas, proveniente de polpas de madeiras macias) dos dois lados.

O gesso acartonado são placas pré-fabricadas, e é uma das peças mais requisitadas de uma construção. Existem dois tipos de placas de gesso: placa de gesso lisa, normalmente produzidas em pequenas indústrias, e é indicada para reformas mais simples, em pequenos espaços, como casa e escritório, por exemplo. E as placas de gesso acartonado que são indicadas para construção de forros e paredes. Existem três tipos de placas: padronizadas, placas resistente à umidade e placas resistente ao fogo.




Tipos de placa de gesso acartonado

  • Placa de gesso acartonado padrão – É uma placa tradicional, sem muitos detalhes. Produzida de maneira simples, com tamanho padrão de 12,5mm de espessura e cor branca.
  • Placa de gesso acartonado resistente à umidade – É indicada para instalação em ambientes úmidos: banheiro, área de serviço, etc. A placa de gesso acartonado possui em sua estrutura, adição de silicone e material repelente à água.
  • Placa de gesso acartonado resistente à fogo –  Esta placa é indicada para locais vulneráveis a fogo, como indústria de produtos químicos, cozinhas, etc.

Parede de gesso acartonado – o que é?

parede-gesso-acartonado

A parede de gesso acartonado é uma ótima opção para quem deseja praticidade e conforto em seu projeto.  

A vantagem da parede de gesso acartonado é a ampliação da área útil.

A parede de gesso acartonado possui, em média, três tipos de espessuras: 48mm; 70mm; 90 mm, o que a difere das paredes de alvenaria. Outro benefício da parede de gesso acartonado são alguns confortos que ela traz ao ambiente como confortos térmico e acústico, por exemplo, além, é claro, de ser muita prática ao instalar, dispensado todo aquele tumulto de quebra-quebra e sujeira da pós-obra.

Como fazer parede de gesso

fazer-parede-gesso-acartonado

Ter uma casa bonita e econômica é possível. Quer saber como fazer parede de gesso? Então fique atento as nossas dicas, pois construir uma parede de gesso é mais simples do que se imagina.

Pegue blocos de gesso e assente-o um a um, como se estivesse construindo uma parede tijolo. Ao erguer a parede, passe uma demão de selador. Deixe-a secar bem, e em seguida, aplique massa corrida, a fim de corrigir as imperfeições. Após esses procedimentos, lixe-a até que fique uniforme e pinte-a da cor que desejar.

Viram só como fazer de parede de gesso não é nenhum bicho de sete cabeças? Mas atenção: ao formar uma parede de gesso, é importante ficar atento a alguns detalhes como a distribuição de fiação, ou se optar por placa de gesso acartonado, é preciso armação para dar sustentabilidade, etc. Na dúvida, busque orientações de profissionais.



Padrão

Sanca de Gesso – O que é e quando usar?

Saiba o que é e quando usar sanca de gesso no forro do seu cômodo.

O revestimento com gesso tornou-se opção Nº 01 em obras de pequeno, médio e grande porte. Sua marca está presente desde paredes a tetos em alvenaria ou concreto.

O que é Sanca de Gesso?

sanca-de-gesso

Sanca de gesso, em termo popular, pode ser considerado forro de gesso. Entretanto, muitos acreditam que ambos são a mesma coisa, mas há diferenças bastante significativas.

A sanca de gesso, embora constitua o forro do teto, possui distinção considerável. O forro de gesso está localizado a alguns centímetros da laje e/ou parede, dando um realce a iluminação do teto. Já a sanca de gesso, possibilita um destaque a mais na decoração do ambiente. Isso porque a sanca de gesso, possui em seu acabamento, moldura produzida, na maioria das vezes, em gesso no ponto de cruzamento entre a parede e o forro.

A aplicação de gesso é constituído de duas formas:

  • Gesso em pasta – Mistura de gesso + água, também conhecido como gesso liso;
  • Gesso em argamassa – Sendo famosa nas obras, a argamassa é formada por gesso + calcário em pó + cal e outros produtos químicos.




Rebaixamento de Forro com Sanca de Gesso

iluminacao-gesso

O rebaixamento de gesso proporciona vida a qualquer ambiente. Uma decoração perfeita, pede um bom rebaixamento de gesso.

Alguns motivos para fazer rebaixamento de gesso:

Iluminação

Vamos combinar, mas não existe nada mais pavoroso que a fiação da iluminação ficar a mostra dentro de um ambiente, não é mesmo? O rebaixamento de gesso permite uma iluminação mais projetada, sem precisar que quebre a parede;

Ideal para esconder imperfeições

O rebaixamento de gesso é ótimo para esconder pequenas falhas visíveis a olho nu;

Decoração

Deixa o ambiente mais requintado e sofisticado. Com o rebaixamento de gesso, qualquer espaço torna-se belo e atrativo aos olhos.

O que é sanca fechada?

Sabe o que é sanca fechada? Conforme o nome já é bem sugestivo, sanca fechada é um tipo de acabamento que não possui abertura em suas extremidades e por esse motivo, a iluminação não costuma ser embutida.

A sanca fechada é indicada para decorar diversos ambientes, geralmente, em decorações que costumam ser mais simples. A decoração cai muito bem em sala de estar ou sala de jantar, por exemplo. Um lustre, fica perfeito em uma decoração com sanca fechada. Caso queira, adote este tipo de decoração em outros ambientes também como quarto, sala de visita, corredor, etc.

Modelos de Sanca de Gesso

Conheça agora alguns modelos de sanca para você se inspirar na hora da decoração:

Sanca fechada

Conforme mencionado anteriormente, possui acabamento fechado nas laterais, o que dispensa ponto de luz.

Sanca aberta

Possui acabamento aberto na lateral. Este modelo de sanca possibilita, além da decoração com a própria sanca de gesso, jogo de luz entre os espaços, ou seja, iluminação indireta.

Sanca invertida

O modelo de sanca invertida é voltada para parede e a iluminação fica direcionada nas janelas.

Agora você já tem todas dicas suficientes para transformar seu ambiente. O que está esperando?



Padrão

Parede de Gesso para construção rápida – Drywall

Os brasileiros ganharam uma “mãozinha” extra na hora de construir ou reformar – Sistema Construtivo com Paredes de Gesso Drywall.

O que são as Paredes de Gesso Acartonado – Drywall?

Drywall é uma expressão em inglês que significa “parede seca”, ou seja, dispensa o uso de argamassa na construção, modelo adotado por alvenaria.

Composta por uma estrutura rígida, a parede Drywall é sinônimo de conforto e praticidade. Seu sistema de rigidez é conglomerado a estrutura de aço, parafusadas as chapas de gesso acartonado especiais, o que garante completa proteção e segurança.

Parede de Drywall – Vantagens de construção

drywall-stock-photo

O sistema construtivo Drywall é um sistema já utilizado na Europa e nos Estados Unidos há tempos, onde são utilizadas paredes de gesso prontas para acelerar a construção de uma obra, e a cerca de 10 anos, vem facilitando a vida dos brasileiros.

A parede de Drywall é a melhor opção para quem é adepto a simplicidade. Os novos empreendimentos imobiliários estão cada vez mais adotando esta prática, pois além de possuir uma estrutura bem simples na hora da montagem, a parede de Drywall atende diversos níveis de construções, desde paredes acústicas a térmicas.

Veja algumas vantagens da Parede de Gesso Acartonado – Drywall:

  • Permite dividir o ambiente sem perder o espaço;
  • Solução para isolar barulho do vizinho;
  • É possível embutir iluminação no teto com facilidade;
  • É maleável, possui recortes, curvas e desníveis.

Vale ressaltar que, a parede de Drywall, é feita a base de tecnologia limpa e sustentável, apresentando apenas 5% de resíduos na obra, pois possui em seus componentes materiais recicláveis, antitóxicos, o que polui bem menos o meio ambiente do que uma obra tradicional.




Sistema Drywall – em que tipo de construção pode ser usado?

O sistema construtivo Drywall permite até três tipos de instalações e três tipos de chapas que se diferenciam pelo tom da cobertura de papel cartão (verde, rosa e branco). Um bom exemplo de construção em Drywall são os projetos da Casa em Gramado, onde todos são feitos com paredes Drywall, trazendo muita eficiência e velocidade para a obra. A Casa Sustentável em Gramado por exemplo foi construída em apenas 6 meses. Vale conferir o sistema de construção dessa casa no Blog Morar em Gramado, para ver a estrutura necessária e a composição de uma casa com um sistema construtivo moderno e diferenciado.

Fixação de forro Drywall

drywall-building

A fixação de forro é constituída de painéis específicos para o teto parafusados a estrutura de aço. O forro fica suspenso ou presos na laje.

Parede sobre parede Drywall

Permite o nivelamento de superfícies tortas, aumentando a comodidade de um ambiente termo acústico. O sistema de construção Drywall é instalado sobre apoio fixo na parede já existente, construída pelo método de alvenaria com massa de colagem.

Painéis prontos Drywall

drywall-material-handler

Os painéis prontos foram lançados recentemente no mercado, e já fazem o maior sucesso. Esse método dispensa acabamento, pois os painéis já são revestidos e é constituído a base de cartão de alumínio ou de PVC em diversos padrões e cores.

Quais são os custos?

Agora que você já sabe o que é Drywall – sistema construtivo com paredes de gesso acartonado, atenção ao preço médio praticado no mercado:

Além da importância de saber o que é Drywall é importante que você tenha em mente também os preços, pois por se tratar de uma tecnologia nova no Brasil, e não ser tão comum de encontrá-la em qualquer venda, é bom ficar sempre de olhos bem abertos na hora de investir, para que você tenha margem para negociar.

Geralmente, o preço costuma variar de acordo com cada projeto, pois além do material, existe a mão de obra para realizar a instalação.

Para paredes, dependendo da espessura, montagem, preenchimento, o valor costuma variar entre R$ 70,00 a R$ 130,00 cada m²; Já o forro R$ 65,00 m²; Prateleiras e nichos são cobradas por virada, ou seja, encontro de placas. Por exemplo, um serviço de 13 viradas, está custando em média, R$ 1.000,00.

 

Então é isso. Não basta apenas saber o que é Drywall e o sistema de construção com paredes de gesso acartonado, é importante que se tenha uma base de preços, a fim de se fazer um ótimo investimento e aproveitar cada cantinho do seu imóvel com conforto, qualidade e segurança.



Padrão

Diferença entre Tetos / Forro de Gesso e Drywall

Você sabe qual é a diferença entre Tetos / Forro de Gesso e Drywall?

Forro de gesso e drywall são ótimos materiais para se fazer obra. Indicados para revestimentos, ambos são produzidos para revestimentos internos. Além de ajudar na manutenção de temperatura, permitem um melhor aproveitamento do espaço físico, deixando o ambiente mais bonito e confortável.  A diferença entre forro de gesso e Drywall são mínimas. Conheça agora suas distinções.

Forros de gesso

Forro de Gesso

Os forros de gesso, ou placas de gesso, são produzidas em pequenos formatos, medindo 60x60cm.

Os forros de gesso estão presentes nas obras desde 1990. Além de versáteis, os forros de gesso proporcionam um ótimo acabamento, pois suas placas em pequenos tamanhos, possibilitam a criação de diversos formatos pré-moldados. É ideal para embutir a iluminação, por exemplo. Veja outras vantagens dos forros de gesso:

  • Os forros de gesso são econômicos, pois o valor do m² é o mais barato do mercado, se comparado a outros produtos;
  • Dispensa acabamento;
  • Secagem rápida. Após a instalação das placas de gesso, 2 horas depois, o ambiente já pode ser pintado, sem problemas.

Vale ressaltar que é óbvio que a qualidade do projeto final depende diretamente da correta aplicação e manutenção dos forros de gesso. Em caso de dúvidas, procure por equipe especializada.




Forros de Drywall

Forro de Drywall

Os forros de Drywall fazem sucesso no exterior. Trazidos para o Brasil há pouco mais de 10 anos, este novo formato vem mudando o conceito nas construções brasileira.

Medindo 1,20×1,80m ou 1,20x2x40m, os forros de Drywall ou placas Drywall, como também são conhecidos, nasceram com o objetivo de otimizar o espaço e realçar ainda mais o designer de interior.

Conheça agora suas vantagens:

  • Fácil adaptação;
  • São econômicos. Não causa desperdício de materiais em sua montagem;
  • Não promove entulho ao final da obra;
  • Dependendo da qualidade escolhida, os forros de Drywall são resistentes à agua e fogo;
  • Não precisa de reboco;
  • Aceita diversos tipos de acabamento como azulejo, papel de parede, pintura, entre outros.

Embora tetos forros de gesso e Drywall pareçam semelhantes em seu acabamento, na prática, os tetos forros de gesso e Drywall, com o passar do tempo, apresentam algumas diferenças em sua manutenção. As placas de gesso podem ficar com aparência amarelada mais rapidamente. Já os forros de Drywall, quando bem cuidados, tem tempo de vida útil maior do que os forros de gesso.

Placas Cimentícias

Você sabe o que são placas cimentícias?

Placas cimentícias são produzidas em industrias, em alto nível de qualidade, prontas para serem utilizadas na obra de forma imediata. Sua fabricação é produzidas com a tecnologia CRFS – Cimento Reforçado com Fio Sintético -, indicadas para projetos que exigem versatilidade, com montagem rápida e dinâmica, mantendo a mesma excelência e qualidade no acabamento.

As placas cimentícias é muito utilizada em sistema de vedação externas (fachadas). Chegando a pesar até oito vezes menos que as alvenarias tradicionais, as placas cimentícias é ideal para fechamentos externos, podendo receber qualquer tipo de revestimento.



Padrão